Controlar a ansiedade é possível?

Sabe, não há fórmulas certas para quase nada.

Ninguém tem o poder de ser o dono da verdade, não mesmo. Cada um de nós pode e deve construir o seu próprio jeito de lidar com a vida.

Não há receitas ou padrões que não possam ser alterados e, digo mais, em muitos casos, era exatamente essa pequena alteração que fez a grande diferença.

Eu não sou igual a você, e vice-versa. Não precisamos pensar, agir, falar e produzir da mesma forma. Não há certo ou errado quando o assunto é ser o melhor que podemos ser.

Não tenho a pretensão que em meio a tantas palavras soltas você encontre a cura para sua ansiedade, mas espero que, de alguma forma, consiga te ajudar a encontrar um meio de aliviar um pouco todo esse tormento.

Por que, vou contar um segredo. De ansiedade eu entendo muito bem.

É possível controla – lá. Sim, eu sei que parece impossível, mas não é.

Um dia você encontrará o seu jeito certo de fazer com que ela não seja mais tão presente em sua vida.

Mas, parece até um jogo de palavras, não seja tão ansioso para conquistar essa façanha. Não será de um dia para outro. Nenhuma mudança duradoura ocorre da noite para o dia. É preciso força, garra e muito treino.

Ansiedade se cura todo dia, um dia por vez, uma batalha depois da outra. Mas, com o tempo você pega o jeito. Acredite em mim.

Perceba o grau da sua ansiedade e procure ajuda de um bom terapeuta. Não aquele que você encontrou numa lista do seu plano de saúde. Procure esse profissional como se fosse um cirurgião, daqueles que podem colocar a sua vida em risco ou salvá-la. Você certamente iria buscar a ficha do cara, não é? Faça isso quando for escolher o seu terapeuta. É sério

Feito isso, você perceberá que tem muito mais coisas que precisa aprender a lidar, mas também que há um mundo lindo aqui fora e você nem sabia ou conseguia aproveitar como merece.
Mas não pare aí.

Todo mundo tem algo que o faz se sentir em paz. Nem todos se acalmam ao ouvir música. Mas em contrapartida não fascinados por filmes. O que o faz se conectar consigo mesmo? Conversar? Ler? Escrever? Pintar? Tocar instrumentos? Andar de bicicleta? Correr?

São tantas as habilidades que temos e que ainda podemos desenvolver.

Deixe um pouco essa ansiedade de lado, desvie sua atenção de todo esse turbilhão de pensamentos que rondam sua cabeça neste momento e escolha algo para fazer no seu dia, em algum momento do seu dia, que lhe dê realmente prazer.

Minutos ou horas. Não importa. Mas tire esse tempo para você ser simplesmente você, antes de qualquer outra coisa.

Redescubra-se!

Deixe uma resposta